Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 31 de julho de 2013

EVENTO: Quarta Igreja Presbiteriana promove o II congresso Quarta Jovem 2013.


DE OLHO EM GARANHUNS - Atacarejo Assaí tem a intenção de se instalar na cidade, gerando 200 empregos diretos


Por ocasião de uma coletiva com a imprensa em seu gabinete, nesta quarta(31), o prefeito Izaías Régis, comunicou a intensão do Atacadão Assaí, em se instalar em Garanhuns. O Assaí é uma das principais empresas no ramo de atacarejo (um misto de atacado e varejo) do país. Em operação desde 1974, possui 69 lojas no sistema de auto-atendimento, presente nas principais regiões do Brasil, comercializando uma média de 9 mil itens em suas lojas. Uma conquista para a geração de emprego e renda para Garanhuns e, segundo o prefeito, ele fará tudo que for possível para que esta empresa venha a se instalar aqui. "Uma criação de 200 novos postos de trabalho diretos", informou o Izaías, prefeito de Garanhuns.

Fonte: Jornal Crer em Pernambuco
Texto: Beto Duran
Imagens: Divulgação

DIRETO DO GABINETE DO PREFEITO: Coletiva com a imprensa mostrando as ações das secretarias e outros parceiros na realização do FIG 2013.

O governo municipal, com todos os secretários envolvidos no festival de Inverno de Garanhuns, estiveram reunidos no gabinete do prefeito Izaías Régis, na tarde desta última quarta (31), em coletiva com a imprensa. O objetivo foi apresentar aos veículos, as ações e os números destas secretarias e outros envolvidos. No entanto, os secretários falaram pouco e o prefeito disse tudo. Na verdade, não foi o Izaías que falou demais, pois, as ações das secretarias diretamente envolvidas com o FIG 2013, Polícia Militar, Civil, Defesa Civil e Corpo de Bombeiros, foram eficientes no desempenho das suas atividades. Este governo está muito bem assessorado e, o entusiasmo do governante é algo, de fato, contagiante.

Fonte: Jornal Crer em Pernambuco
Texto e Foto: Beto Duran

FISCALIZAÇÃO: AMTT está fiscalizando e multando várias atitudes irregulares dos condutores em Garanhuns


A fiscalização de trânsito no centro de Garanhuns, está de fato acontecendo. Os fiscais da Autarquia Municipal de Trânsito e Transporte (AMTT), estão verificando data e tempo dos cartões da zona azul, estacionamentos irregulares, uso do celular ao dirigir, falta do uso de cinto de segurança e outras infrações estão sendo autuadas como determina a lei. Além disto, está acontecendo a fiscalização do cumprimento do decreto municipal que determina  locais e horários para garga e descarga de caminhões em determinadas ruas do centro da cidade.

Fonte: Jornal Crer em Pernambuco
Texto e foto: Beto Duran

segunda-feira, 29 de julho de 2013

MÉDICOS PARALISAM algumas atividades nesta terça(30) e quarta(31), em protesto contra a vinda de profissionais estrangeiros ao Brasil

Médicos da rede estadual, municipal do Recife e particular vão paralisar algumas atividades na terça (30) e quarta (31) para protestar contra a vinda de profissionais estrangeiros ao país sem a revalidação do diploma e a Medida Provisória 621/2013, que institui o Programa Mais Médicos e sugere mudanças na formação da categoria. Ficarão prejudicadas as cirurgias eletivas e atividades nos ambulatórios. Apesar disso, os atendimentos de emergência, urgência, quimioterapia, radioterapia, hemoterapia e hemodiálise serão mantidos.
Além da paralisação, os médicos vão percorrer unidades de saúde do Estado para identificar e registrar casos de pacientes que estejam aguardando por transferências para outras unidades, com o objetivo de mostrar as deficiências do sistema. A ação está programada para a terça (30). As irregularidades encontradas serão denunciadas ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE).
Já na quarta (31), os profissionais vão fazer um mutirão de atendimento no Memorial da Medicina, no bairro do Derby, área central do Recife. Das 8h às 14h, serão realizadas consultas médicas nas áreas de cardiologia, clínica médica, dermatologia e pediatria. As atividades fazem parte do Movimento Nacional Médico.
Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde reforçou que apenas as atividades do ambulatório deixarão de funcionar com a parada dos médicos. Já a Secretaria de Saúde do Recife informou que não irá realizar ação especial nos postos devido à paralisação. A rede funcionará de acordo com a presença dos médicos nas unidades.

Fonte: G1 Pernambuco.

ENTREVISTA DO PAPA A GLOBO: 'O Vaticano não queria a entrevista', diz Gerson Camarotti

A simplicidade e a humildade do Papa Francisco surpreendeu os fiéis durante a Jornada Mundial do Juventude. O jornalista Gerson Camarotti, que conseguiu uma entrevista com exclusividade mundial com o pontífice, disse que essa marca de Francisco foi mostrada também durante toda a gravação.
“O tempo todo ele perguntava: ‘Está satisfeito com a respostas?’. E eram respostas absolutamente completas, densas, demoradas, explicadas e com parênteses. E o tempo todo ele dizia: ‘Posso falar só mais um pouquinho?’”, conta Camarotti, comentarista da GloboNews.
Para conseguir a entrevista, Gerson Camarotti tentou primeiro um pedido oficial ao Vaticano, que foi negado. “Eu já tinha pedido ao Vaticano essa entrevista, inclusive a fontes próximas da Igreja, e aí foi vetado. E fui pelo outro caminho, furei o bloqueio com ajuda de fontes, não foi via Vaticano. Soube que o Papa Francisco consultou alguns integrantes da Igreja no Brasil. O Vaticano não queria essa entrevista, ele seguiu o instinto dele”, diz.
A GloboNews já estava investindo nessa entrevista desde antes do início do conclave, com a  renuncia do Bento XVI. “A GloboNews viajou o Brasil para conversar com os principais nomes da Igreja. É lógico que eu já tinha um bom contato com o episcopado brasileiro, e isso me facilitou muito, inclusive a cobertura do conclave, mas a partir do momento que tinha um Papa latino-americano, é lógico que um jornalista latino-americano ficava muito bem posicionado, ainda mais de um país que iria receber o Papa”, declara Camarotti.
O jornalista ficou surpreendido que o Santo Padre já havia lido trechos de seu livro. “Fiquei muito surpreso, porque eu cheguei com o livro com uma dedicatória muito carinhosa para ele, eu o comparava a um arcebispo da minha cidade, Dom Hélder Câmara, já falecido, e aí ele falou: ‘nossa, mas eu já Liu vários trechos do livro’. Aí eu perguntei assim: ‘mas está bom, é isso mesmo?’, e ele falou assim: ‘Como é que você sabe tanta coisa?’, então não deixou de ser um cartão de visitas para o Santo Padre”, conclui Camarotti.

Fonte: Globo News.

sábado, 27 de julho de 2013

SAÚDE: UPA-E foi inaugurada em Garanhuns no último dia 26 de julho, com a presença do Governador e Secretário de Saúde do Estado

A primeira Unidade Pernambucana de Atenção Especializada (Upa-E), foi inaugurada, nesta sexta-feira (26/7) pelo governador Eduardo Campos, na cidade de Garanhuns. De acordo com Campos, a unidade deve abrir na próxima segunda-feira (30/07), mas não deve operar com 100% da capacidade de atendimento. "Todo equipamento terá capacidade para oito mil consultas por mês, isso quando todo o protocolo de operação for finalizado", frisou o governador.
O Estado articulou uma coparticipação com as esferas municipal, estadual e federal, que devem fornecer recursos para manter a unidade em funcionamento. Cerca de 500 mil pessoas, em 21 municípios, devem ser beneficiadas com o projeto. Mais de R$ 21 milhões foram investidos para a construção e aquisição de equipamentos para a unidade, que terá um setor ambulatorial, com 19 consultórios; setor de diagnósticos e terapias; bloco cirúrgico, com quatro salas de cirurgia; e internamento de curta duração, além de apoio técnico e logístico.
Durante a solenidade, o secretário de Saúde, Antônio Carlos Figueira, anunciou a criação de mais uma unidade hospitalar no município de Garanhuns, o Hospital do Agreste Meridional. Segundo Figueira, o projeto, que já está em andamento, deve ficar pronto em três meses. O secretário também declara que a cidade de Garanhuns deve assumir em breve a administração do Hospital Dom Moura. 

Fonte: Diário de Pernambuco

CHEGA AO FIM a temporada do programa FIG EM PAUTA pela rádio 87 FM

Neste sábado(27), foi o último programa da temporada FIG EM PAUTA, exibido pela emissora 87,9 FM, às 11h. Durante o período de 15 à 27, muitos convidados passaram pelo estúdio da 87 FM, conversando sobre o maior evento de arte e cultura desta região do país. Eu, Beto Duran, agradeço a direção da emissora (Walfredo Neto, Cintia, Paulo André), Ramos Neto, aos convidados, por atender aos meus convites, e muito obrigado aos ouvintes pela audiência e participação.
Confira as imagens dos entrevistados da quinta, sexta e sábado, 25, 26 e 27 de julho, respectivamente:
Epaminondas Borges - Secretário de Agricultura de Garanhuns
Cirlene Leite - Secretária de Cultura de Garanhuns

Ana Paula - Diretora e Célia Sobral - Secretária de Assistência Social de Garanhuns

Geandré - Secretário de Desenvolvimento Econômico de Garanhuns

Pedro Passos - Secretário de Direitos Humanos de Garanhuns

Ana Rossini - Diretora Presidente da Autarquia Municipal de Transito e Transporte de Garanhuns

FAMEG: Manifestação durante a inauguração da UPA-E, mostra ao Governador que Garanhuns quer a faculdade funcionando

Uma mobilização de representantes da sociedade esteve presente na inauguração da UpaE Garanhuns, na tarde desta sexta-feira, quando o governador Eduardo Campos e outros políticos do estado puderam ver a quantidade de gente com camisetas padronizadas pedindo a reabertura da FAMEG - Faculdade de Medicina de Garanhuns, que está com a autorização emperrada no MEC, e que cada vez dá uma resposta mais ridícula para impedir o funcionamento da instituição de ensino.
Faixas foram colocadas à frente da UpaE e não houve qualquer manifestação que causasse problemas à realização da inauguração, muito pelo contrário, os manifestantes aplaudiram muito o governador, que em seu discurso, afirmou a importância da reabertura da faculdade.
As faixas cobravam dos políticos que buscassem a autorização de funcionamento, principalmente os senadores e o PT, partido do Ministro da Educação e da presidente Dilma.
Interessante notar que o governo impede o funcionamento de uma instituição com toda condição de formar médicos, e importa milhares de outros países para atender nossa população.
Os manifestantes estão querendo saber o que de fato está acontecendo, quem ou o que impede a FAMEG aberta? Todas as exigências foram cumpridas e alguma coisa, ou jogo de interesses, não dá o aval que a instituição precisa. O MEC até agora não deixou claro o que é que impede, e pronto! Se não tem nada, ou é algo que possa ser sanado, que deixem então os estudantes terem acesso a mais uma faculdade formadora de médicos em nossa região, é bom pra cidade, pro estado e para o país, que está importando esta matéria prima! É bom pro povo!

Fonte: blogodoronaldocesar.blogspot.com

sexta-feira, 26 de julho de 2013

ACESSIBILIDADE: Durante o FIG 2013, ninguém ficou de fora

Camarote especial da acessibilidade na Esplanada Guadalajara
Acessibilidade, não foi apenas um discurso, na prática se viu o respeito aos portadores de deficiência motora, auditiva e visual.
As exibições na mostra de cinema, realizada no Cine Eldorado, tiveram audiodescrição. Teatro com linguagem de libras, e na Esplanada Cultural Guadalajara, camarote especial (foto) e elevador nos "prédio de camarotes".
Parabéns a organização estrutural do FIG 2013.

Fonte: Jornal Crer em Pernambuco
Texto: Beto Duran
Foto: Jane Pimentel

MÚSICA CLÁSSICA na Esplanada Cultural Guadalajara em Garanhuns

Entre as muitas atrações do FIG 2013, o projeto Virtuosi na Serra se destaca em sua IX edição. Com um público médio de 700 pessoas na Catedral de Santo Antônio, palco para o Virtuosi, que recebeu excelentes músicos várias nacionalidades que, em comum têm o extraordinário talento. Oportunidade única para os frequentadores do Festival de Inverno de Garanhuns. Para este ano, o sucesso do Virtuosi na Serra foi tanto que nesta sexta(26), o projeto apresenta o pianista e maestro João Carlos Martins, com o espetáculo: A música venceu! no palco da Esplanada Cultural Guadalajara, às 21h. A apresentação terá a participação da Orquestra Jovem de Pernambuco e do criador e produtor musical do Virtuosi, maestro Rafael Garcia.
O pianista João Carlos Martins, é o mais requisitado maestro brasileiro. Até o momento, já levou a boa música clássica para mais 1 milhão de brasileiros em concertos públicos ao ar livre.

Confira mais algumas fotos do Virtuosi na Serra, Catedral de Sto. Antônio - Garanhuns:





Fonte: Jornal Crer em Pernambuco
Texto: Beto Duran
Fotos: Jane Pimentel
Imagem: icekilmer.wordpress.com

CARTA AO LEITOR - Recebemos o contato do leitor Zeca Barbosa, com a sua opinião sobre a entrevista com o ex-prefeito de Garanhuns, Ivo Amaral

Recebemos o contato do leitor do blog do Jornal Crer em Pernambuco, Zaca Barbosa, da cidade de Lagoa do Ouro/PE, a respeito da entrevista com o ex-prefeito de Garanhuns, Ivo Amaral, concedida ao nosso blog. A seguir, reproduzo a sua carta a nossa redação:

QUANDO EU ERA MENINO E JOVEM OUVI MUITO O EX-PREFEITO DE GARANHUNS FALAR NA RÁDIO DIFUSORA DE GARANHUNS.
SEMPRE GOSTEI DE SUAS COLOCAÇÕES E DA FORMA COMO ELE FALAVA DOS PROJETOS,DE IDEIAS E JAMAIS OUVI DELE FALTAR COM O RESPEITO A TODA E QUALQUER OPOSIÇÃO QUE FALAVA CONTRA ELE.
OS CONTATOS QUE TIVE COM O EX-JORNALISTA HUMBERTO DE MORAES DO ANTIGO MDB,NUNCA OUVIR ELE FAZER UMA CRÍTICA PESSOAL AO EX-PREFEITO.
ERA E AINDA É UM HOMEM CULTO,COM IDEIAS BOAS E SENSATAS.CARREGA SOBRE SEUS OMBROS AS LEMBRANÇAS DE GRANDES REALIZAÇÕES EM GARANHUNS, ISTO NÃO RESTA A MENOR DÚVIDA.
AINDA BEM QUE HOJE NÓS ESTAMOS TENDO ESSA POSSIBILIDADE DE ESCREVER ALGUMA COISA COMENTANDO OS FATOS BEM COMO AS NOTÍCIAS TÊM CHEGADO AOS LARES GRAÇAS AOS GRANDES AVANÇOS QUE ESTAMOS TENDO COM A INTERNET VIA BLOGUEIROS.
ANTES HAVIA MUITAS CRÍTICAS AO FESTIVAL,HOJE MUITOS DOS QUE O CRITICAVAM ESTÃO REALIZANDO O FESTIVAL DE GARANHUNS. NADA MELHOR DO QUE UM DIA COM 24h COM UMA NOITE NO MEIO.
O EX-PREFEITO IVO TINÔ DO AMAL JÁ FAZ PARTE DA HISTÓRIA POLÍTICA DE GARANHUNS HÁ MUITO TEMPO.
PALAVRA DE UM EX-JOGADOR DA SELEÇÃO DE GARANHUNS QUANDO GARANHUNS FEZ 100 ANOS EM 1979.

PROFESSOR ZECA BARBOSA - LAGOA DO OURO-PE. 

quinta-feira, 25 de julho de 2013

IVO AMARAL concede entrevista exclusiva ao Jornal Crer em Pernambuco, e fala sobre o FIG

Em sua edição especial sobre o Festival de Inverno de Garanhuns, o blog do Jornal Crer em Pernambuco entrevistou o Sr. IVO Amaral, ex-prefeito de Garanhuns e criador do FIG.
O Sr. Ivo foi eleito pela primeira vez em 1976, exercendo o mandato em 1977, uma gestão voltada ao aperfeiçoamento de cenário turístico de Garanhuns. Encerrou sua carreira como prefeito de Garanhuns em 1992, mas, antes disso, trabalhou no embelezamento da cidade: construiu o Relógio de Flores, asfaltou as ruas, criou os parques e praças, que deram o título a Garanhuns, de “Cidade das Flores”. No fim do seu último mandato como prefeito da cidade, acatou a ideia do escritor Marcílio Reinaux  e criou o saudoso festival de Inverno de Garanhuns. Confira a entrevista e conheça um pouco mais de como o FIG tomou forma:

Jornal Crer: O senhor foi prefeito pela primeira vez em 1977; daí por diante  começou um projeto de embelezamento de Garanhuns. Como o senhor analisa que essa sua visão estética contribuiu para tornar Garanhuns  uma cidade polo do roteiro turismo brasileiro?

Ivo Amaral:  Garanhuns era tida como uma cidade turística e, de turismo ela só tinha mesmo  o clima, a água e a bondade do seu povo; então, de acordo com o nosso plano de trabalho, fizemos, realmente, uma revolução em Garanhuns. Mesmo porque, quando disputamos essa eleição, sabíamos que seriamos o prefeito do centenário de Garanhuns, pois em 1979, Garanhuns completou 100 anos. Então, procuramos, realmente, transformá-la numa cidade turística, inclusive, construímos o Relógio de Flores, que é o único ainda existente em o norte e nordeste do país. Começamos trabalhando para modificar a estrutura física de Garanhuns, com vista aos festejos do centenário de emancipação política e administrativa do nosso município. E assim foi feito; conseguimos recursos junto ao governo federal e ao governo estadual  e fizemos uma verdadeira revolução na infraestrutura, construindo praças, parques e jardins. Garanhuns foi a primeira cidade do interior de Pernambuco a ser asfaltada, a primeira cidade do interior de Pernambuco que colocou iluminação a vapor de sódio, com a postagem bonita e estética, que até hoje está ai na cidade, há quase mais de 30 anos.
Todas essas obras de embelezamento e de infraestrutura para o turista, com uma série de obras de pedra e cal e outras obras viradas para o turismo. Portanto, os primeiros seis anos como prefeito de Garanhuns foi uma administração voltada para o turismo, que é a vocação do nosso município.

JC: O festival de Inverno foi criado em 1991, durante a sua gestão como prefeito de Garanhuns. Como foi o processo de criação e a concepção da ideia?

IA: Sempre dizemos que prefeito, governador e presidente não trabalham sozinhos;  têm que trabalhar em equipe e que não podem ser o dono do mundo; precisam ouvir. Ouvíamos sempre os amigos e até os adversários, porque quando a gente se elege acaba toda a rivalidade e nos tornamos  prefeitos de todos.
O festival de Inverno de Garanhuns foi pensamento de um garanhuense jornalista, advogado, e professor aposentado da UFPE. Um homem que gosta de Garanhuns, Marcílio Reinaux, que desde a nossa primeira gestão, nos procurava para fazer um Festival de Inverno, como os que ele sempre participava em São Cristovão, em Sergipe, em São Paulo, em Campos do Jordão, em Minas Gerais e assim por diante.
Ele dizia: “Olhe, eu já participei de  diversos Festivais de Inverno e Garanhuns está pronta para fazer um semelhante aos dessas cidades de que já participei.” Então, atendendo a Marcílio Reinaux, colocamos a ideia no papel, fizemos o projeto e convocamos a sociedade de Garanhuns; muitos amigos acreditaram; outros, não! Fizemos diversas reuniões, fizemos uma comissão supervisionada por Marcílio e levamos o projeto ao então governador  de Pernambuco, Joaquim Francisco de Freitas Cavalcante e ele comprou a ideia na hora; foi muito correto, muito decente com Garanhuns.
Então, fizemos o 1º Festival de Inverno de Garanhuns, com muita dificuldade, em julho de 1991; nosso mandato foi até 1992. Então, realizamos o nosso sonho da criação do  festival; fizemos o primeiro em 91 e o segundo em julho de 92 e, daí por diante os nossos sucessores deram continuidade ao Festival de Inverno que se tornou irreversível, um festival de renome nacional e até internacional. Já é patrimônio imaterial, com lei aprovada na Assembleia Legislativa, através da deputada Terezinha Nunes.
Orgulhamo-nos muito deste festival  e, só temos a agradecer a Marcílio Reinaux e àqueles amigos que acreditaram nessa ideia e que conosco carregaram esse barco; somos muito agradecidos a todos, que ainda hoje contribuem para que o Festival de Inverno de Garanhuns continue forte, elevando o nome da nossa cidade.

JC: Qual a sua emoção ao ver um evento concebido com o seu impulso, tomar grandes proporções como as de hoje, sendo inclusive ponto de partida para o circuito do frio de Pernambuco?

IA: Nunca podíamos imaginar, mas quando criamos o Festival de Inverno; Marcílio Reinaux dizia para nós: “Olhe, esse festival vai orgulhar muito a você e a toda a Garanhuns”. Então, que demos o  ponta pé inicial! Tivemos a coragem e a determinação de criar o FIG e fazer os dois primeiros.
Ficamos emocionados e gratificados, porque, anualmente, esta festa bonita vem crescendo; não estamos só com um festival de música, mas com um festival cultural: circo, dança, enfim, está da maneira para o qual foi criado -  um festival sobretudo cultural.
Todos podem avaliar nossa emoção, anualmente, no meio da rua, quando o povo noa abraça e diz que se deve esse festival à nossa pessoa.  Isso é muito gratificante para um homem público, que acha, como achamos, que cumprimos com a nossa obrigação.

JC: Em 1990, foi realizada no Recife, no Hotel do Sol, uma reunião para tratar do FIG e buscar patrocinadores. Daí por diante a Fundarpe foi uma grande parceira; como o senhor analisa a participação da Fundarpe no Festival de Inverno de Garanhuns?

IA: Nós fizemos não só reuniões no Recife, mas fizemos também aqui, que eram realizadas no Hotel Tavares Correia, cujo proprietário,  o Médico Paulo Tavares Correia  foi um dos primeiros a dar o apoio, inclusive dizendo que, se o governo do estado não aceitasse patrocinar, ele fazia o convênio com a prefeitura, para fazer o Festival de Inverno de Garanhuns.
Mas  nessas reuniões citadas,  levávamos secretários da prefeitura e empresários de Garanhuns, para apresentar o projeto do FIG; daí, o governador comprou a ideia e jogou a bola para a Secretaria de Cultura do Estado, através da Fundarpe.
Daí por diante, passamos a ter as reuniões na FUNDARPE, em Garanhuns, e a FUNDARPE tornou-se nossa parceira principal. Na época, fizemos um convênio, onde o Festival de Inverno era uma promoção da Prefeitura de Garanhuns com o apoio do Governo de Estado; hoje, está ao contrário: nossos sucessores modificaram e está aí como está hoje - a FUNDARPE  tomou conta de quase  tudo.

JC: Recebemos algumas reclamações dos artistas locais, que dizem não ter espaço para cantores e atores de Garanhuns na programação do FIG. Diante disso, o senhor acredita que o evento está perdendo a identidade de Garanhuns com a organização voltada toda para Fundarpe?

IA: Na verdade, quando criamos a ideia não era dessa maneira; na época, a prefeitura dizia o que queria, a prefeitura participava ativamente na indicação dos artistas, mas  achamos que com um bom entendimento entre a prefeitura e a FUNDARPE, poderemos voltar a dar espaço ao povo de Garanhuns, cuja prioridade é aproveitar os nosso artistas e os nossos intelectuais.

JC: O prefeito Izaías foi até Brasília pedir uma maior participação municipal para o evento e fala-se até na importância de se criar um conselho de autoridades de Garanhuns para organizar o evento junto com a FUNDARPE;  como o senhor analisa essas propostas?


IA: Primeiro, temos que ter recursos; o município de Garanhuns tem que se disponibilizar de recursos extraordinários, especificamente, para o Festival de Inverno, a fim de chegar e dizer à FUNDARPE:  “Nós temos tanto e  está aqui uma comissão de pessoas de Garanhuns para discutir a programação do FIG. Para isso, é preciso termos recursos, pois, sem recursos a gente não consegue nada. Cabe ao atual prefeito conseguir recurso junto ao Ministério do Turismo, para transferir diretamente para o município de Garanhuns, destinado exclusivamente para os gastos com o Festival de Inverno. Aí, então, podemos voltar a falar grosso e a dialogar de igual para igual com a FUNDARPE  e o Governo do Estado, pois achamos que todos só querem a melhora no FIG.

Fonte: Jornal Crer em Pernambuco
Foto e entrevista: Juliana Dias
Editor chefe: Beto Duran

quarta-feira, 24 de julho de 2013

SAÚDE: Hospital Dom Moura aumenta equipe nos plantões durante do FIG 2013

Segundo a Secretaria de Turismo de Garanhuns, a expectativa de público para o Festival de Inverno de Garanhuns 2013 é de 800 mil pessoas. Com o aumento de circulantes na cidade, durante o período festivo, a preocupação, quanto ao atendimento hospitalar de urgência e emergência, amplia-se. Direção do HRDM  afirma que o hospital está preparado para acatar toda demanda do festival.
Conforme nota oficial divulgada na imprensa, os três hospitais particulares da cidade se restringem ao atendimento ambulatorial e, como Garanhuns também não dispõe de Hospital Municipal, toda a demanda de urgência e emergência da cidade é encaminhada para o Hospital Regional  Dom Moura.
O HRDM é uma unidade de referência para os 21 municípios de V Geres. O hospital passa por reformas estruturais e vem sendo vítima de acusações de falta de profissionais médicos, além de problemas de instalações e disponibilidade de equipamentos clínicos, problemas que já foram discutidos em audiência pública, realizada no mês passado, na Câmera de Vereadores de Garanhuns.

Em entrevista exclusiva ao Jornal Crer em Pernambuco, a direção de Hospital afirma que realizou a contratação de profissionais para completar toda a equipe multidisciplinar do hospital e, que durante o festival, o Hospital Dom Moura terá equipe médica reforçada. “Os plantões do HRDM, durante o Festival de Inverno, recebe um reforço a mais. Em cada plantão de 24h, o Hospital vai contar com 03 clínicos, 02 pediatras, 02 traumatologistas, 02 cirurgiões e 02 obstetras. Além de toda a equipe de enfermeiros, técnicos e outros servidores necessários.” Afirma Carla Freitas diretora do HRDM.

Fonte: Jornal Crer em Pernambuco
Reportagem: Juliana Dias
Imagem: google 

FIG 2013: Curtindo o festival de Inverno com a família

Que o Festival de Inverno é a principal festa de Garanhuns todo mundo já sabe, pois ele arrasta turista de toda parte também. Mais que o FIG é uma boa alternativa para reunir a família e divertir-se com o marido, filhos e familiares mais distantes. Essa é uma alternativa que as pessoas persistem em não atribuir ao festival.
O mês de julho é um mês oficial de férias para a criançada que fica em casa inquieta e louca para fazer alguma coisa diferente, quebrando, assim, a rotina da ausência da escola. Com isso, a maioria das mães escolhem esse mesmo período para tirarem férias do trabalho e, assim, poder administrar toda essa situação. Por outro lado, os parentes que saíram de Garanhuns para trabalhar ou estudar fora, também aproveitam essa época do ano para tirar férias e, fazer uma visitinha aos familiares, que ainda moram na ‘Cidade das Flores’, afinal, nessa época, tem FIG.
Pronto, os ingredientes já estão todos juntos, agora é só organizar os melhores dos programas familiares, os mais agradáveis possíveis. A cidade em si ajuda muito. Garanhuns tem parques e praças espalhadas por todos os lados, o que rende fotografias muito legais para lembrar dos momentos de família reunida.

A programação do Festival de Inverno também ajuda, pois reúne atração para todas as idades:  teatro, circo, shows, dança, artesanato,etc.  As noites são climatizadas pelo  friozinho da cidade; uma ótima atmosfera romântica para os casais curtirem uma apresentação de música popular brasileira, a dois, depois de terem passado o dia inteiro curtindo as atrações culturais do festival, com a criançada, claro!

Fonte: Jornal Crer em Pernambuco
Texto: Juliana Dias
Editor chefe: Beto Duran

HOMENAGEM: Sociedade dos Forrozeiros faz homenagem a Dominguinhos no show de Santanna‏

Imagem da internet de show no parque Dona Lindu
A Sociedade dos Forrozeiros Pé-de-Serra e Ai! estará fazendo uma grande homenagem ao Mestre Dominguinhos nesta noite na Esplanada Guadalajara, justamente a noite do Forró, que conta com Maciel Melo e Santanna, ambos fazem parte da associação que é presidida por Tereza Accioly, esposa do saudoso Accioly Neto.
Ao final da apresentação de Santanna, o artista convidará ao palco membros da sociedade, como o próprio Maciel Melo, Rogério Rangel, Andrezza Formiga, Irah Caldeira, Ronaldo Cesar e Roberto Cruz. Na última música do show, o forró de Garanhuns e região cantará junto
com Santanna e sua banda, um dos clássicos do Mestre Dominguinhos, que Tereza prefere não revelar para não queimar a surpresa. Jovens e experientes forrozeiros já confirmaram presença, como Gena de Altinho, Nando Azevedo, Jura (BomKixote), Claudio José, Eder (Orquestra Dominguinhos), Clovis (Trio Asa Branca, João Moreira, Valmiro (Banda Fênix), Pedro (Forró Pesado), Tuchinha, Michelle dos Anjos, Erivelto Vilarim (Pisa na Fulô), além de Ronaldo Cesar com sua Tropicana.
"São estas pessoas que têm a grande responsabilidade de levar adiante a música de Dominguinhos, e todos nós devemos exaltar esta obra maravilhosa de um artista completo. Viva Dominguinhos!" - afirma Tereza Accioly, que finaliza "Quis o destino que a noite fosse do
forró, e será sempre assim que lembraremos do mestre, tocando suas canções".

Portanto, a noite promete mais emoções em homenagens ao ilustre filho da terra!

Fonte: SOCIEDADE DOS FORROZEIROS PÉ-DE-SERRA E AI!
Tereza Accioly.

terça-feira, 23 de julho de 2013

MORRE DOMINGUINHOS - Morre nesta terça(23) o "rei da sanfona"

O cantor e compositor pernambucano Dominguinhos, conhecido como "rei da sanfona", morreu às 18h desta terça-feira, aos 72 anos, em decorrência de complicações infecciosas e cardíacas. Ele estava internado no hospital Sírio Libanês, em São Paulo.
Considerado um dos principais nomes do forró, o músico gravou sucessos como "De Volta pro Aconchego" e "Eu Só Quero um Xodó" durante uma carreira de mais de cinco décadas.
Dominguinhos foi internado em 17 de dezembro , no Hospital Santa Joana, no Recife, com quadro de infecção respiratória e arritmia cardíaca. Em 13 de janeiro, foi transferido para o Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, onde o tratamento passou a ser liderado pelo oncologista que o acompanhava havia seis anos, desde que recebeu o diagnóstico de tumor pulmonar.
Nascido em Garanhuns no dia 12 de fevereiro de 1941, José Domingos de Moraes começou a carreira ainda na infância, tocando sanfona de oito baixos no grupo Os Três Pinguins, que formou com dois irmãos.
Na adolescência, mudou para o Rio de Janeiro e procurou Luiz Gonzaga, o rei do baião, que lhe dera seu endereço anos antes. Dominguinhos, na época apelidado de Neném do Acordeon, tornou-se herdeiro musical de Gonzaga, morto em 1989.
Sucessos
Em 1964 Dominguinhos lançou o primeiro de cerca de 30 álbuns, "Fim de Festa". Onze anos depois gravou "Eu Só Quero um Xodó", que ganhou versões em diversas línguas. Durante a carreira, fez parcerias com músicos como Caetano Veloso, Gal Costa, Maria Bethânia, Gilberto Gil, Chico Buarque, Djavan e Elba Ramalho, intérprete de "De Volta pro Aconhego". Outros sucessos incluem "Isso Aqui tá Bom Demais", "Tenho Sede", "Lamento Sertanejo" e "Tantas Palavras". 
Entre os prêmios que recebeu está o Grammy Latino de melhor álbum regional, em 2002, por "Chegando de Mansinho". Em 2010, foi homenageado pelo Prêmio Shell de Música e se apresentou em um show no Rio de Janeiro com convidados como Elba, Gil e Marcelo Mimoso.
Também participou do documentário "O Milagre de Santa Luzia" , de Sergio Roizenblit, no qual conduziu uma viagem pelo Brasil que toca sanfona. Em 2011, quando o filme foi lançado em DVD, Dominguinhos comemorou a "redescoberta" do instrumento.
"Nunca se vendeu tanta sanfona, e é um instrumento caro", disse, ao iG . Ele lamentou o fato de o Brasil não valorizá-la o suficiente, mas se mostrou otimista. "Mas estão descobrindo no Brasil também."

Fonte: http://ultimosegundo.ig.com.br

POLO CASTAINHO: Castainho recebe atividade teatral, no 23º Festival de Inverno de Garanhuns‏

A Comunidade Quilombola de Castainho, localizada a seis quilômetros do Centro da cidade de Garanhuns, também faz parte da grade de polos que recebem atividades no 23º Festival de Inverno de Garanhuns.  Essa iniciativa é uma ótima oportunidade para conhecer um pouco mais sobre os moradores da comunidade.
A Prefeitura de Garanhuns, juntamente com a Fundarpe, traz aprendizado e entretenimento para o Castainho durante o FIG. Na tarde desta segunda-feira (22), um dos eventos programados foi o teatro infantil, com o espetáculo “Assim me contaram, assim eu vou contando...”, vindo de Olinda (PE).
A apresentação contou com um único personagem, o Palhaço Severino, utilizando um cenário tipicamente nordestino. Entre uma história e outra do seu repertório, o palhaço interagiu e fez muitas brincadeiras com a criançada ali presente. O espetáculo tem muito da cultura popular, o Palhaço Severino insere o público em sua apresentação. E foi em um ritmo de pura simplicidade e bom humor que a tarde prosseguiu no Castainho, alegrando a população local e os visitantes.

Texto e foto: Wiliane Maurício

TEATRO: Palco do Centro Cultural apresenta comédia Mineira‏

Na segunda noite de apresentações teatrais, o palco do Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcante, o qual abriga o Teatro Luiz Souto Dourado apresentou a peça “Na Comédia de Edgar, Alan Põe o Bico”, da Associação Teatral Cia P'Atuá de Belo Horizonte (MG).
O público que lotou a antiga estação ferroviária pôde conferir de perto a história de Edgar e seu corvo Alan, os dois protagonistas. Além destes, a plateia deu boas risadas com a dupla caipira Zé Prenúncio e Mal Agouro, que ao entoar canções populares interagiu com os presentes do começo ao fim do espetáculo.
Para a comerciária Ana Maria Oliveira, valeu a pena sair de casa para curtir a apresentação. "Não temos muitas oportunidades de assistirmos peças teatrais reconhecidas nacionalmente. Por isso que durante o FIG sempre venho acompanhar o teatro, que para mim é uma das melhores atrações da festa. Já faço isso há alguns anos e curto demais", disse a jovem moradora de Garanhuns.
As apresentações teatrais terão continuidade nesta segunda-feira (22) e seguem até o próximo sábado (27). O acesso para o público é realizado de forma gratuita, sendo iniciado pontualmente às 19h.

Texto e foto: Ilana Dias

Ambiente Criativo no FIG 2013: Empreendedorismo e Economia Criativa aplicada à cultura‏

 A “Economia Criativa” também se faz presente no 23º Festival de Inverno de Garanhuns. No Parque Euclides Dourado, o maior polo do evento, o visitante encontra esse ambiente repleto de atividades com foco no empreendedorismo cultural. No local, todos podem conferir o mercado criativo, o Cyber Café com a “Rede Criativa” e também o salão das iniciativas inovadoras. O Ambiente Criativo está em sua segunda edição no evento.
De acordo com a coordenadora de conteúdo e supervisora do mercado criativo, Patrícia Reis, o Ambiente Criativo está dentro de uma política nacional que é da Secretaria Nacional de Economia Criativa e tem como secretária Cláudia Leitão, que participará dos “papos criativos” na próxima quarta-feira (24), a partir das 17h, debatendo o tema: Criativa Birô e Empreendedorismo Cultural. O espaço é uma iniciativa da Coordenadoria de Economia Criativa que participa de todos os festivais do Pernambuco Nação Cultural, com atividades de formação na área de economia criativa aplicada à cultura e que ajudam os produtores culturais a se tornarem mais aptos a vender, não apenas a venda como uma comercialização comum, mas algo que agregue valor simbólico e uma cadeia produtiva mais justa.
Os visitantes podem conferir os produtos artesanais que estão sendo comercializados por lá. Alguns desses produtos são do ponto de cultura “Mulheres de Argila”, da cidade de Caruaru, que lida com a ressocialização de mulheres tornando-as empreendedoras e dos municípios de Bom Conselho e São Bento do Uma. A grande sacada do mercado criativo não é apenas a venda do produto, mas também trabalhar o conceito. É uma venda com transmissão de saberes. Todos os produtos têm um valor simbólico agregado à identidade do artesão e a sua história.
No cyber café, agregado a Rede Criativa – perfil do Facebook onde os internautas podem aproveitar o momento do acesso à rede social para se cadastrarem na página –, os organizadores mantêm todos os “amigos” informados sobre suas ações, onde os mesmos poderão também tornar-se cooperadores.
Neste domingo (21), o espaço dos “Papos Criativos” debateu o tema de políticas culturais para o desenvolvimento e pontos de cultura com as professoras da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Raquel Lira e Bárbara Bastos. A programação do Ambiente Criativo continua até o sábado (27), último dia da 23ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns.

Texto e fotos: Samara Pontes

RÁDIO: O programa FIG EM PAUTA tem curta temporada, mas, muito bem aproveitada

A temporada do programa FIG EM PAUTA está chegando a sua reta final, dia 27 âs 11h será o último programa, transmitido pela rádio 87 FM. Com a apresentação do radialista Beto Duran, o programa recebeu vários convidados e se discutiu inúmeros temas relacionados ao Festival de Inverno de Garanhuns e seu entorno.
No ano em que comemora 20 anos que transmitiu pela primeira vez um FIG, o Beto Duran sente-se honrado em poder fazer parte desta equipe tão dedicada da 87,9 FM. "Agradeço especialmente ao Walfredo Neto, Paulo André e Ramos Neto, pelo convite, credibilidade e parceria, respectivamente". Complementa o radialista.
Na segunda(22), o programa entrevistou o realizador do Polo Gospel, Zaqueu Lins. Na terça(23), a conversa foi sobre o serviço do SAMU em Garanhuns, com a coordenadora do mesmo, Sra. Roberta Almeida.
Confira algumas imagens destes dois dias de programa:
Entrevista com Zaqueu Lins, organizador do Polo Gospel

Conversa com Roberta Almeida, coordenadora do SAMU Garanhuns

Genoveva Alves, presidente do Conselho Tutelar de Garanhuns

EDUCAÇÃO: Aluno do curso de Medicina do Campus Garanhuns foi selecionado para estudar nos Estados Unidos‏

No próximo dia 04 de agosto, o estudante do curso de medicina do campus da Universidade de Pernambuco (UPE) em Garanhuns, Daniel Siqueira, segue viagem para os Estados Unidos. Ele foi selecionado pelo Programa Ciência sem Fronteiras para cursar um ano na Faculdade de Medicina da universidade da Flórida (EUA).
O período de concessão da bolsa é de 15/08/2013 a 31/08/2014. O semestre (Fall) na instituição americana começa oficialmente dia 21 de agosto. Antes do início das aulas, os estudantes passarão por orientação, adaptação e terão as matrículas efetivadas. “Nesse período, passarei por três temporadas (Fall, Spring e Summer), sendo o Summer destinado a estágio ou pesquisa, que pode ser em outra instituição. Vou estar como graduando intercambista, afirmou o aluno.
Daniel teve o professor Fabio Formiga como tutor do CsF na UPE. Formiga é também vice-diretor da UPE Garanhuns.

Fonte: Vox Comunicação.

domingo, 21 de julho de 2013

FIG 2013: Bastante seguro, com fiscalização nas vias urbanas e acessos aos Parques e Esplanada Guadalajara

Fiscalização por amostragem

Bafômetro: condutores parados são convidados ao teste 
A segurança durante o evento FIG 2013, está de parabéns. Nas principais vias da cidade, acontecem bloqueios de fiscalização e lei seca. De fato a tolerância é zero mesmo e, a escolha dos que são parados acontece por "olho clínico dos policiais" e por amostragem.
Grande público na entrada principal da Esplanada Guadalajara. Todos serão revistados
Revista de todos, na entrada principal da Esplanada Guadalajara
Nas entradas dos parques: Pau Pombo (Ruben Van Der Linden) e Euclides Dourado, um corredor de policiais observa todos que entram e saem. Assim, como na entrada da Esplanada Guadalajara, todos são revistados, não permitindo entrada de garrafas de vidro e objetos suspeitos.
Dos muitos evento públicos que já tive oportunidade de trabalhar, ainda não tinha visto um tão seguro quanto o Festival de Inverno de Garanhuns.

Fonte: Jornal Crer em Pernambuco
Reportagem: Beto Duran
Fotos: Jane Pimentel

PALCO FORRÓ: Ronaldo César e a Tropicana promete fazer uma grande apresentação. Imperdível!

Da Terra de Dominguinhos, Ronaldo Cesar é considerado uma grande revelação do autêntico forró. Resgatando músicas do São João
Nordestino, de Luiz Gonzaga, Trio Nordestino, Jackson do Pandeiro,
somados ao repertório sempre atual de Petrúcio Amorim, Maciel Melo,
Jorge de Altinho, Accioly Neto, entre outros grandes compositores
representantes do forró de raiz. E claro, a originalidade das suas
músicas como Lenga-Lenga e Rapadura é Doce, incluídas em seu primeiro
DVD.
O primeiro CD/DVD ao vivo da banda foi gravado no Festival de Inverno
de Garanhuns em 2011, e é sempre muito elogiado pela qualidade da
produção. Agora, Ronaldo Cesar está em estúdio produzindo novos xotes
e marchas que irão fazer parte do CD – PE NA COPA, dentre elas a
música que dá título ao trabalho, que deve embalar o estado na competição internacional.
Com sua banda, a Tropicana, Ronaldo Cesar tem se apresentado em várias
cidades do interior do estado, levando sempre o melhor do pé-de-serra,
aliás, seus projetos já foram selecionados nas convocatórias da
Fundarpe, Carnaval e São João.
Ronaldo Cesar é comunicador, blogueiro e produtor cultural. Associado
à Sociedade dos Forrozeiros Pé-de-Serra e Ai!
A banda que acompanha o cantor e compositor conta com sete integrantes
mais dois casais de dançarinos. É também sua característica o visual
regional, com figurinos em xita, chapéus de palha com temas folclóricos e muita alegria!
Por fim, Ronaldo Cesar e a Tropicana é uma grande festa Pernambucana.
E agora, mais uma vez no Palco do Forró do Festival de Inverno de
Garanhuns, ou seja, a alegria está em casa! 

Serviço:
FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS
PALCO FORRÓ - PARQUE EUCLIDES DOURADO
DOMINGO - 21/07 - 0h 

Fonte: VOX COMUNICAÇÃO
(87) 9988.0423

POLO GOSPEL: Começou neste sábado(20) a sétima edição do Polo Gospel de Garanhuns, e, já com um grande público

No sábado (20), começou a sétima edição do Polo Gospel, ou Festival Gospel de Garanhuns. Este é o polo alternativo do FIG com a maior média de público, 2 mil pessoas por noite. A realização do Polo Gospel é responsabilidade do Zaqueu Naum Lins. Financiado com recursos da iniciativa privada, tem também uma verba da prefeitura de Garanhuns, que é significativa para a concretização deste projeto.
Até o dia 27 de julho, segue a programação com bandas e grupos de louvor das igrejas locais e artistas do meio evangélico vindos de outros estados, especialmente para se apresentarem neste evento.

Confira a programa do Polo Gospel de Garanhuns:

A apresentação deste palco está a 6 anos com o radialista Beto Duran que, nos últimos 3 anos tem dividido os intervalos das atrações com o Pr. Gleidson Alberto.
Este ano, haverá entradas ao vivo para a rádio 87 FM, que transmite todas as atrações do FIG 2013.

Confira algumas fotos da primeira noite, sábado (20):





Fonte: Jornal Crer em Pernambuco
Reportagem: Beto Duran
Fotos: Jane Pimentel

sábado, 20 de julho de 2013

ARTE NA RUA: Colombiano, Maurício, faz malabarismos com bola de cristal e malabares nos sinais de trânsito. Confira foto e vídeo.

A reportagem do Jornal Crer em Pernambuco flagrou uma atração à parte do FIG. Trata-se do malabarista colombiano Maurício. Com o semáforo fechado, ele faz um show com bola de cristal e malabares, isso, por uns "trocados" que, os motoristas fazem questão de dar.

Confira um vídeo que fizemos do artista de rua, Maurício:
video

Fonte: Jornal Crer em Pernambuco
Texto e vídeo: Beto Duran
Fotos: Ramos Neto